top of page

Câmara aprova Orçamento 2022 com reajuste de R$ 1,7 bi para policiais e R$ 16,5 bi para emendas


247 - A Câmara Federal aprovou nessa terça-feira (21), por 358 a 97, o Orçamento 2022 incluindo um reajuste de R$ 1,7 bilhão para policiais e R$ 16,5 bilhões para emendas de relator. Antes de seguir para sanção presidencial, o texto ainda precisa passar pelo Senado.


A correção para os policiais se deu porque o relator-geral, deputado Hugo Leal (PSD-RJ), recuou de sua decisão de não prever reajustes salariais a servidores. A aprovação é uma derrota para o ministro da Economia de Bolsonaro, Paulo Guedes, e abre crise entre setores do funcionalismo, como na Receita Federal, onde há promessa de debandada de auditores fiscais.


O Orçamento destina ainda R$ 800 milhões para o aumento salarial de agentes comunitários de saúde e fixa o Fundo Eleitoral em R$ 4,934 bilhões.


No projeto original do Poder Executivo, o financiamento de campanhas eleitorais teria R$ 2,1 bilhões no ano que vem. Na primeira versão do relatório, o fundo ficaria com R$ 5,1 bilhões. Para fazer os ajustes no texto, o relator também cancelou R$ 362,3 milhões de emendas de bancada não impositivas.

0 visualização0 comentário
bottom of page