top of page

Novela Um Lugar ao Sol: Elenice morre de Covid após julgamento de Christian


Um Lugar ao Sol abordará a pandemia da Covid-19 no último capítulo. Elenice (Ana Beatriz Nogueira) e o irmão dela, Teodoro (Fernando Eiras), serão vítimas fatais da doença na novela das nove da Globo. As mortes acontecerão após o julgamento de Christian (Cauã Reymond) por ter roubado a identidade de Renato, e a trambiqueira estará presente no tribunal.


As mortes dos personagens, no entanto, só serão mencionadas no folhetim do Lícia Manzo. De acordocom a coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo, houve a preocupação de não mostrar os irmãos doentes. O fato será apenas mencionado por Rebeca (Andréa Beltrão).


Se não ocorrerem mudanças, já que o elenco gravou desfechos alternativos envolvendo mortes e escolhas de casais, as últimas cenas de Elenice e Teodoro serão no julgamento do usurpador.


O farsante responderá pelos crimes de violação sexual mediante fraude, estelionato e falsidade ideológica. A mãe adotiva de Renato prestará depoimento, assim como Bárbara (Alinne Moraes) e Santiago (José de Abreu).


Após uma passagem de tempo, Rebeca comentará sobre o ex-cunhado em uma reunião familiar dos Assunção. "Quem morreu foi a mãe dele, coitada. Durante a pandemia, de Covid. Ela e o irmão, Teodoro, que era uma ótima pessoa", contará a ex-modelo.


A colunista Patrícia Kogut já havia informado que os personagens apareceriam na reta final usando máscaras no rosto, mas, depois de um tempo, se livrariam da proteção para passar uma mensagem de esperança em um futuro melhor e sem as mortes provocadas pelo coronavírus.


Um Lugar ao Sol é uma novela escrita por Lícia Manzo. Por conta do novo surto da Covid-19, o folhetim ganhou mais duas semanas no ar e será esticado até 26 de março. A trama será substituída pelo remake de Pantanal em 28 de março.

0 visualização0 comentário
bottom of page